Voltar

Considerações acerca da Teoria Decolonial por meio de reflexões sobre a prática docente em língua inglesa

Com base em resultados da pesquisa autoetnográfica, este artigo tem como objetivo analisar práticas docentes de língua inglesa à luz da teoria decolonial (QUIJANO, 2005; 2007; GROSFOGUEL, 2007; MIGNOLO, 2007; MALDONADO-TORRES, 2007), além de refletir sobre método e ensino de língua inglesa a partir de Kumaravadivelu (2003a; 2003b; 2016). Para tanto, apresento e discuto as premissas centrais do grupo Modernidade/Coloniadidade. Após, relaciono esses conceitos com o ensino de língua inglesa, focalizando as considerações sobre método, defendidas por Kumaravadivelu (2003a; 2003b; 2016). Além disso, relaciono os conceitos debatidos às minhas práticas de sala de aula, apresentando meus dilemas e, consequentemente, os reflexos de colonialidades que permeiam minhas práticas.